Não tenho filosofia. Eu tenho poesia

DÚVIDAS

Dúvidas?
Tenho um monte. De dúvidas, e perguntas sem resposta.
Mas também, tenho certezas,
E é por essas certezas que eu me guio.

Tenho certeza de que Deus existe e que Ele me ajuda todos os dias.
Tenho certeza de que sou uma pessoa maravilhosa,
Que hoje sou melhor do que ontem,
Porque sou um espírito a caminho da evolução.
Tenho certeza de que preciso trabalhar para ter meu dinheiro honesto
E assim, ter a certeza de que tudo de que eu desfruto materialmente
É meu e me traz felicidade verdadeira.
Tenho certeza dos meus sentimentos, sei muito bem
A quem eu amo e a quem eu não amo.

Tenho certeza de que os dias mais felizes da minha vida passaram muito rápido
Mas foram também os mais intensos e, por isso mesmo,
Tão saborosos.
Tenho certeza do que eu quero:
Estar ao lado de quem me ama e que compartilhe dos meus valores,
E é bom mesmo que tenhamos diferenças para, assim, termos assuntos intermináveis.
Quero publicar ao menos um livro.
Quero viajar para a praia mais vezes, ver a imensidão do mar e o furor das ondas.
Tenho certeza de que possuo muitos medos, mas também sei
Que nada é pra sempre, se a felicidade não é, muito menos a tristeza é.

Tenho a certeza de que não sou imutável.
Tenho a certeza de que posso esperar um tempo,
De que sou capaz de ouvir,
De que não sou capaz de ferir os sentimentos alheios,
Não vale a pena.

Tenho certeza que, depois dessas certezas, o resto são só dúvidas
Perguntas que a humanidade também se faz,
Ou quem sabe, que somente eu me faça.
Não importa.
Se eu não tivesse certeza de alguma coisa, ao menos,
Não saberia para onde iria.
Não estou perdida, em meio ao caos,
Consigo enxergar meu caminho,
Ele, às vezes, é muito difícil, mas é o meu caminho
E é o que me levará à plenitude da minha alma.
                                                                     por Elayne Amorim

Postar um comentário